Armindo Araújo espreita 7.º título nacional de ralis

Lista de Inscritos Vidreiro 2021 CPR_RGT_CPCR_2021

Lista de Inscritos Vidreiro 2021 CCR 2021

Armindo Araújo (Skoda Fabia R5 Evo) pode conquistar o seu sétimo título de campeão nacional, caso vença o Rali Vidreiro – Centro de Portugal, na Marinha Grande, onde vai ser disputada, esta sexta-feira e sábado, a sétima e penúltima prova do Nacional de ralis.

(auto.look2010@gmail.com)

Ricardo Teodósio

O hexacampeão vai partir para a prova do Clube Automóvel da Marinha Grande com 133 pontos, mais 13 do que o algarvio Ricardo Teodósio, segundo classificado, e mais 19 do que o lisboeta Bruno Magalhães, terceiro, após a vitória no Vodafone Rali de Portugal e no Rali Serras de Fafe e Felgueiras e o triunfo no Rali de Castelo Branco.

A quarta vitória do ano permite ao piloto natural de Santo Tirso, de 44 anos, que conquistou o título em 2003, 2004, 2005 e 2006, 2018 e 2020, revalidar o ceptro nacional, perante a concorrência de Ricardo Teodósio (Skoda Fabia R5), vencedor do Campeonato de Portugal de Ralis (CPR) em 2019, e Bruno Magalhães (Hyundai i20 R5), tricampeão entre 2007 e 2009.

Ricardo Teodósio começou a temporada a vencer, no Rali Terras D’Aboboreira, Bruno Magalhães levou a melhor na Madeira, enquanto José Pedro Fontes, quarto classificado, com 96 pontos, conquistou o Rali do Alto Tâmega.

Bruno Magalhães

Para as contas finais vai ser excluída a pior classificação de cada um dos pilotos – Armindo Araújo foi quinto na Madeira, Ricardo Teodósio quarto e Bruno Magalhães quarto na Aboboreira e no Vodafone Rali de Portugal.

Armindo Araújo pode também sagrar-se campeão se ficar em segundo lugar (20 pontos), desde que vença a “power stage” (três pontos) e Ricardo Teodósio não faça mais do que 19 pontos, correspondentes ao terceiro lugar na geral (17) e ao segundo na “power stage” (dois).

José Pedro Fontes

Mesmo o quarto lugar na Marinha Grande (14) e a vitória na “power stage” podem ser suficientes para Armindo Araújo revalidar o título, caso Ricardo Teodósio não se classifique acima do terceiro lugar e Bruno Magalhães em segundo.

O Rali Vidreiro – Centro de Portugal, na Marinha Grande, vai ser disputado esta sexta-feira e amanhã, em sete classificativas, com cerca de uma centena de quilómetros. O Rali de Mortágua encerra a edição de 2021 do Campeonato de Portugal de Ralis a 5 e 6 de Novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *