Areia prejudica teste das equipas no Bahrain

O piloto holandês Max Verstappen (Red Bull) foi hoje o mais rápido no primeiro de três dias de testes de pré-temporada da Fórmula 1, que se disputam no circuito de Sakhir, no Bahrain. 

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

A escassos 14 dias do início do campeonato, a Fórmula 1 está de regresso à acção para três dias de testes no Bahrain International Circuit, onde dia 26 começa a temporada, que, se tudo correr bem, terá 23 corridas.

Trata-se de uma situação “sui generis” uma vez que, por sistema, havia mais de uma sessão de testes antes do arranque da competição e por ser escassos dias antes da corrida de abertura, o que dificulta a vida às equipas caso haja problemas, pois ficam com pouco mais de uma semana para os tentar resolver.

Para complicar aos pilotos, o vento apareceu com grande intensidade enchendo o asfalto de areia, o que tornou mais difícil o controlo dos monolugares, por diminuição da visibilidade o que foi sentido com especial incidência no final da sessão da manhã e no início da sessão da tarde, o que levou muitas equipas a permanecerem nas “boxes” após o almoço

Das 10 equipas envolvidas no campeonato, só Red Bull (Max Verstappen), Alpine (Esteban Ocon) e Williams (Roy Nissany) optaram por ter um dos seus pilotos em pista, com a Williams a entregar o “FW43B” ao seu piloto de reserva, com as restantes a colocarem um dos pilotos em acção de manhã e o outro de tarde.

E se o australiano Daniel Riccardo (McLaren/Mercedes) foi o mais rápido na sessão da manhã (1’32,203”) à frente de do francês Pierre Gasly (Alpha Tauri/Honda) e do holandes Max Verstappen (Red Bull/Honda), acabaria por ser o holandês, apesar de ter sido uma das vitimas da areia no asfalto, o que o obrigou a fazer um pião, a registar o melhor tempo do dia, à frente do inglês Lando Norris (McLaren/Mercedes) e do francês Esteban Ocon (Alpine/Renault).

E se o início da associação McLaren/Mercedes foi positivo, já o dia para Mercedes foi pouco produtivo, uma vez que, de manhã, o finlandês Valtteri Bottas (Mercedes) ficou cerca de três horas nas “boxes”, com consequência de um problema na caixa de velocidades, que teve de ser trocada, o que o fez ser o mais lento da sessão, a mais de seis segundos da Max Verstappen, enquanto o inglês Lewis Hamilton (Mercedes), de tarde, e apesar do esforço feito foi 10.º a mais de dois segundos do melhor tempo. Fica a dúvida de saber se a equipa de Barkley não terá “escondido” algum jogo.

Boa estreia do espanhol Carlos Sainz (Ferrari) na equipa italiana ao superiorizar-se ao monegasco Charles Leclerc (Ferrari), que esteve em acção de manhã, mas não deixa de ser positivo, partindo-se do princípio que o “primeiro adversário” é o colega de equipa que tem, pelo menos do ponto de vista teórico, o mesmo material.

Bom começo da Alpine, com Esteban Ocon (Alpine) a conseguir o terceiro tempo e a colocar pressão sobre o espanhol Fernando Alonso que, amanhã, regressa à F1, depois de dois anos de ausência.

Tal como no ano passado sucedeu com a Racing Point, a sua sucessora, a Aston Martin, teve um bom principio, com o canadiano Lance Stroll (Aston Martin) a registar o quarto tempo, à frente de Carlos Sainz, enquanto o alemão Sebastian Vettel (Aston Martin) esteve muito tempo parado por um problema eléctrico.

Apesar de ter recorrido ao piloto de reserva, Roy Nissany (Williams), a Williams conseguiu suplantar os dois Haas, do russo Nikita Mazepin e do alemão Mick Schumacher, o que pode ser um bom indicativo da evolução efectuada durante o desefo. Amanhã, sábado, terá lugar o segundo dia de testes.

Tempos

PILOTO CARRO MOTOR TEMPO
       
Max Verstappen Red Bull RB16B Honda 1’30,674″
Lando Norris McLaren MCL35 Mercedes 1’30,889″
Esteban Ocon Alpine A521 Renault 1’31,146″
Lance Stroll Aston Martin AMR21 Mercedes 1’31,872″
Carlos Sainz Ferrari SF21 Ferrari 1’31,919″
Antonio Giovinazzi Alfa Romeo C41 Ferrari 1’31,945″
Daniel Ricciardo McLaren MCL35 Mercedes 1’32,203″
Pierre Gasly Alpha Tauri AT02 Honda 1’32,231″
Yuiki Tsunoda Alpha Tauri AT02 Honda 1’32,727″
Lewis Hamilton Mercedes W12 Mercedes 1’32,912″
Charles Leclerc Ferrari SF21 Ferrari 1’33,242″
Kimi Raikkonen Alfa Romeo C41 Ferrari 1’33,320″
Sebastian Vettel Aston Martin AMR21 Mercedes 1’33,742″
Roy Nissany Williams FW 43B Mercedes 1’34,789″
Nikita Mazepin Haas VF-21 Ferrari 1’34,798″
Mick Schumacher Haas VF-21 Ferrari 1’36,127″
Valtteri Bottas Mercedes W12 Mercedes 1’36,859″

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *