António Félix da Costa com a “pole” dos LMP2

O piloto português António Félix da Costa (Jota) conquistou hoje a “pole position” para as 24 Horas de Le Mans na categoria LMP2.

(auto.look2010@gmail.com)

O piloto de Cascais, que faz equipa com o britânico Anthony Davidson e com o mexicano Roberto González, dominou a sessão da “hyperpole” na segunda categoria mais importante das 24 Horas de Le Mans, que se disputam no fim-de-semana. António Félix da Costa conseguiu a sua melhor volta em 3m27,950s, com o segundo classificado, o WRT conduzido pelo polaco Robert Kubixa, a fazer 3m28,470s.

O outro português em prova, o conimbricense Filipe Albuquerque (Oreca), falhou o apuramento para a “hyperpole” e vai partir da 12.ª posição entre os LMP2.

Na categoria principal, a LMP1, Kazuki Nakajima levou o Toyota oficial ao primeiro lugar da grelha, com o tempo de 3m23,900s, mais de seis segundos mais rápido do que a previsão da organização. Trata-se da primeira “pole” de um supercarro em Le Mans.

O segundo Toyota oficial do norte-americano Mike Conway, da Kamui Kobayashi e de Pechito Lopez ficou com o segundo lugar, com o tempo de 3m24,195s. Em terceiro surge o Alpine de Matthieu Vaxivière, André Negrão e Nicolas Lapierre, com o tempo de 3m25,574s.

As 24 Horas de Le Mans são a quarta de seis provas do Mundial de Resistência em automobilismo e disputam-se entre este sábado e domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *