Alexey Lukyanuk destacado nas Ilhas Canárias

Piloto russo “passeou” a seu bel-prazer o dia de hoje, levando de vencida todos os troços do programa, apenas ultrapassado na super-especial de Las Palmas. Um desempenho que lhe permite dosear o andamento daqui para a frente…

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Mais rápido nas primeiras oito das nove especiais do dia – só perdendo a super-especial realizada em Las Palmas –, Alexey Lukyanuk (Citroën C3 Rally2) comanda o Rali das Canárias, derradeira prova do Campeonato da Europa de Ralis (ERC).

O piloto russo terminou o primeiro dia de competição com 32,6 segundos de vantagem sobre o espanhol Efrén Llarena (Skoda Fabia Rally2 Evo), segundo classificado, que tem 5,1 segundos de avanço sobre o polaco Mikolaj Marczyk (Skoda Fabia Rally2 Evo). A título de curiosidade, os dois pilotos estão apostados em levar o respectivo navegador ao título europeu.

O espanhol Enrique Cruz (Ford Fiesta Rally2) separa Efrén Llarena de Mikolaj Marczyk, com os três a discutirem os restantes lugares do pódio, uma vez que o avanço de Alexey Lukyanuk vai permitir-lhe geri-lo no derradeiro dia da competição.

O italiano Simone Campedelli (Skoda Fabia Rally2 Evo), que está a menos de seis segundos do segundo lugar, entra também nessa discussão, que irá constituir o pólo de interesse do dia de amanhã.

Para este sábado, os concorrentes vão ter pela frente mais seis provas de classificação que são uma dupla passagem, desta feita pelas classificativas de Arucas (7,18 km), Moya (12,96 km) e Valleseco (14,56 km), a mais extensa e ainda por Telde “Tradición del Motor” (10,39) e Telde “Ciudad Deportiva” (11,11 km), que fecham cada uma das voltas.

Classificação após nove especiais – 1.º Alexey Lukyanuk/Alexey Arnautov (Citroën C3 Rally2), 1.05’08,0”; 2.º Efrén Llarena/Sara Fernandez (Skoda Fabia Rally2 Evo), a 32,6”; 3.º Enrique Cruz/Yeray Mujica (Ford Fiesta Rally2), a 36,2”; 4.º Mikolaj Marczyk/Szymon Gospodarczyk (Skoda Fabia Rall2 Evo), a 37,7”; 5.º Simone Campedelli/Tania Canton (Skoda Fabia Rally2 Evo), a 38,4”; 6.º Yoann Bonato/Benjamin Boulloud (Citroen C3 Rally2), a 43,2”; 7.º Surhayén Pernia/Alba Sanchez (Hyundai i20 R5), a 45,0”; 8.º Ivan Ares/David Vazquez (Hyundai i20 R5), a 48,2”; 9.º Nil Solans/Marc Marti (Hyundai i20 R5), a 1’05,5”; 10.º Jan Solans/Rodrigo Sanjuan (Citroen C3 Rally2), a 1’09,4”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *