Alexey Lukyanuk defende comando no ERC

Aos comandos de um Citroën C3 R5, o piloto russo, detentor do título do Campeonato Europeu de Ralis, tem a missão de manter a hegemonia no Rally Liepaja e cavar um fosso para os seus mais directos adversários.

PEDRO RORIZ (auto.look2010@gmail.com)

Vencedor da prova de abertura, que decorreu na Polónia, depois de na parte inicial ter sido dominado pelo seu compatriota Nikolay Gryazin (VW Polo GTi R5), que abandonou em consequência de ter sofrido dois furos na mesma especial, o russo Alexey Lukyanuk (Citroën C3 R5), detentor do título, chega a Liepaja no comando do campeonato, com seis pontos de vantagem sobre o norueguês Andreas Mikkelsen (Skoda Fabia Rally2 Evo).

O norueguês integrará, com o piloto do VW, com o espanhol Nil Solans (Skoda Fabia Rally2 Evo), com o irlandês Craig Breen (Hyundai i20 R5) e com o seu compatriota Ole Christian Veiby (Hyundai i20 R5) o lote de pilotos que pode impedir Alexey Lukyanuk de somar segunda vitória, com Andreas Mikkelsen a poder beneficiar de um melhor ritmo, ao tirar partido do facto de participar, com alguma regularidade, em provas do “Mundial”.

A exemplo do que sucedeu na Polónia, Portugal volta a estar presente com a dupla formada por Aloísio Monteiro/Sancho Eiró (Skoda Fabia Rally2 Evo), 39.ª na prova de abertura, e com Hugo Magalhães, que vai navegar o alemão Nick Loof (Ford Fiesta Rally4), 41.º na Polónia.

Ainda antes do arranque da competição, o Rally Liepaja viu o número de classificativas ser reduzido para 10, em lugar das 12 previstas, como consequência da anulação da dupla passagem pela Super Especial citadina, para evitar a comparência de público.

Em termos desportivos, essa anulação não tem significado., uma vez que a soma dessa dupla passagem era de quatro quilómetros. Restam 10 provas de classificação, quarto em cada dia, com duas delas, no segundo dia a repetirem-se.

Classificações do Campeonato da Europa de Ralis

PILOTOS – 1.º Alexey Lukyanuk, 38 pontos; 2.º, Andreas Mikkelsen, 33; 3.º, Miko Marczyk, 25; 4.º, Nil Solans, 20; 5.º, Norbert Herczig, 17; 6.º, Efrén Llarena, 15; 7.º, Wojciech Chuchala, 15; 8.º, Yoann Bonato, 11; 9.º, Erik Cais, 9; 10.º, Grzegorz Grzyb, 7. Estão classificados mais seis pilotos.

NAVEGADORES – 1.º, Alexey Arnautov, 38 pontos; 2.º, Ola Floene, 33; 3.º, Szymon Gospodarczyk, 25; 4.º, Marc Marti, 20; 5.º, Ramón Ferencz, 17; 6.º, Sara Fernandez, 15; 7.º, Sebastian Rozwadowski, 15; 8.º, Benjamin Boulloud, 11; 9.º, Jindriska Záková, 9; 10.º, Michal Poradzisz, 7. Estão classificados mais seis navegadores.

EQUIPAS – 1.º, Sainteloc Junior Team, 40 pontos; 2.º, Porvoon Autopalvelu, 40; 3.º, Toksport WRT, 37; 4.º, Rallye Team Spain, 36; 5.º, Topp-Cars Rally Team, 31; 6.º, Yacco ACCR Team, 30; 7.º, Orlen Team, 26; 8.º, OT Racing, 25; 9.º, Northon Racing, 18; 10.º, Skoda Rally Team Hungaria, 17. Estão classificados mais oito equipas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *