Adruzilo Lopes bateu ao segundo Fernando Peres

O piloto de Regilde levou de vencida o portuense por 2,2 segundos e venceu o Rali Vieira do Minho, prova de abertura do Campeonato Norte de Ralis. Da Lituânia, a dupla Martynas Samsonas e Ervinas Snitkas foi a mais rápida em todas as especiais, mas ficou “isenta” de classificação pontuável para o campeonato.

CARLOS SOUSA (carlos.sousa@autolook.pt) – Fotos: LUÍS FILIPE FERREIRA

Fernando Peres e José Pedro Silva (Mitsubishi Lancer Evo IX)

A dupla Adruzilo Lopes e Paulo Leones (Mitsubishi Lancer Evo IX) venceu o Rali Vieira do Minho, prova de abertura do Campeonato Norte de Ralis, depois de uma luta gigantesca com Fernando Peres e José Pedro Silva, em viatura idêntica. Após de seis passagens por duas especiais de classificação, o piloto do Regilde deixou o piloto do Porto a somente a 2,2 segundos, o traduz na perfeição a luta entre dois pilotos que já foram campeões nacionais de ralis.

Os dois pilotos nortenhos desempenharam um papel assombroso desde a primeira prova especial, em que a vitória poderia pender para um lado ou para o outro. Adruzilo Lopes chegou a usufruir de uma vantagem de 11,7 segundos logo no início da competição, mas Fernando Peres, que mais vale vergar do que partir, “sacudiu” com sucesso a pressão e, antes da hora do almoço, a barreira entre os dois era de 3,8 segundos. Elucidativo.

Martynas Samsonas e Ervinas Snitkas (Mitsubishi Lancer Evo IX)

Depois de muito porfiar, Fernando Peres encontrou o “antídoto” para superar as adversidades e encarou a terceira passagem pela classificativa com a determinação que lhe é característica e passar para a frente da pauta classificativa, com 1,6 segundos de Adruzilo Lopes.

Restava a última classificativa, ou seja, a abordagem da terceira passagem por Serradela/Anjos. Se na penúltima especial Senhora da Fé/Serradela Fernando Peres foi o mais rápido, que o “atirou” para a liderança, já o derradeiro tira-teimas acabou por devolver o comando a Adruzilo Lopes que, além de ter recuperado 1,6 segundos, ainda registou menos 2,2 segundos que o seu mas directo opositor.

Um final apoteótico entre dois pilotos que permanecem intocáveis no requinte de conduzir extraordinariamente bem, numa prova que teve na dupla Martynas Samsonas e Ervinas Snitkas, também em Mitsubishi Lancer Evo IX, a vencedora da prova. No entanto, a formação da Lituânia, que fez o gosto aos dedos, às mãos e os pés no Rali Vieira do Minho, logrando o triunfo nas três passagens por Senhora da Fé/Serradela (10.86 km) e Serradela/Anjos (10.39 km), não pontua para o Campeonato de Ralis Norte.

Hugo Lopes e Tiago Neves, (Ford Fiesta)

Gaspar Pinto, navegado por Bernardo Gusmão, conduziu o Mitsubishi Lancer Evo VIII ao terceiro lugar, cabendo ao viseense Hugo Lopes, que fez equipa com o poiarense Tiago Neves, a quarta posição, em Ford Fiesta. Já o português Paulo Ferreira e o lituano Ivo Pukis colocaram o Mitsubishi Lancer Evo IX no top five.

Refira-se que dois pilotos sofreram ferimentos ligeiros na sequência de um despiste, tendo sido transportados para o Hospital de Braga pelos Bombeiros de Vieira do Minho e Póvoa de Lanhoso, que prestam assistência na prova. O acidente ocorreu às 11h30, tendo a prova estado suspensa durante as manobras de socorro.

A próxima prova é o Rali Terras d’Aboboreira, de 30 de Abril a 2 de Maio, organizado pelo Clube Automóvel de Amarante.

CLASSIFICAÇÃO FINAL

1.º Martynas Samsonas/Ervinas Snitkas (Mitsubishi Lancer IX), 44’19,2”; 2.º Adruzilo Lopes/Paulo Leones (Mitsubishi Lancer IX), a 1’01,2”; 3.º Fernando Peres/José Pedro Silva (Mitsubishi Lancer IX), a 1’03,4”; 4.º Gaspar Pinto/Bernardo Gusmão (Mitsubishi Lancer VIII), a 3’25,1”, 5.º Hugo Lopes/Tiago Neves (Ford Fiesta R2), a 3’54,2”; 6.º Paulo Ferreira/Ivo Pukis (Mitsubishi Lancer IX), a 4’06,7”; 7.º Filipe Teixeira/Bruno Coelho (Citroen C2 R2), a 5’01,7”; 8.º Augusto Costa/Susana Costa (Peugeot 208 R2), a 5’25,5”; 9.º Tiago Almeida/Bruno Azevedo (Mitsubishi Lancer IX), a 6’03,7”; 10.º João Castela/Miguel Marquez (Peugeot 208 R2), a 7’01,9”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *